Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Cinema e vídeo, música



Histórico
 11/11/2012 a 17/11/2012
 03/07/2011 a 09/07/2011
 12/06/2011 a 18/06/2011
 29/05/2011 a 04/06/2011
 17/04/2011 a 23/04/2011
 30/01/2011 a 05/02/2011
 09/01/2011 a 15/01/2011
 02/01/2011 a 08/01/2011
 28/11/2010 a 04/12/2010
 31/10/2010 a 06/11/2010
 24/10/2010 a 30/10/2010
 17/10/2010 a 23/10/2010
 15/08/2010 a 21/08/2010
 25/07/2010 a 31/07/2010
 04/07/2010 a 10/07/2010
 20/06/2010 a 26/06/2010
 30/05/2010 a 05/06/2010
 23/05/2010 a 29/05/2010
 02/05/2010 a 08/05/2010
 21/03/2010 a 27/03/2010
 14/02/2010 a 20/02/2010
 17/01/2010 a 23/01/2010
 03/01/2010 a 09/01/2010
 27/12/2009 a 02/01/2010
 20/12/2009 a 26/12/2009
 25/10/2009 a 31/10/2009
 11/10/2009 a 17/10/2009
 09/08/2009 a 15/08/2009
 12/07/2009 a 18/07/2009
 05/07/2009 a 11/07/2009
 26/04/2009 a 02/05/2009
 22/02/2009 a 28/02/2009
 18/01/2009 a 24/01/2009
 11/01/2009 a 17/01/2009
 28/12/2008 a 03/01/2009
 14/12/2008 a 20/12/2008
 16/11/2008 a 22/11/2008
 19/10/2008 a 25/10/2008
 28/09/2008 a 04/10/2008
 24/08/2008 a 30/08/2008
 27/07/2008 a 02/08/2008
 29/06/2008 a 05/07/2008
 25/05/2008 a 31/05/2008
 18/05/2008 a 24/05/2008
 13/04/2008 a 19/04/2008
 30/03/2008 a 05/04/2008
 23/03/2008 a 29/03/2008
 09/03/2008 a 15/03/2008
 17/02/2008 a 23/02/2008
 03/02/2008 a 09/02/2008
 13/01/2008 a 19/01/2008
 30/12/2007 a 05/01/2008
 23/12/2007 a 29/12/2007
 18/11/2007 a 24/11/2007
 11/11/2007 a 17/11/2007
 04/11/2007 a 10/11/2007
 28/10/2007 a 03/11/2007
 21/10/2007 a 27/10/2007
 14/10/2007 a 20/10/2007
 16/09/2007 a 22/09/2007
 02/09/2007 a 08/09/2007
 15/07/2007 a 21/07/2007
 29/04/2007 a 05/05/2007
 15/04/2007 a 21/04/2007
 11/03/2007 a 17/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 18/02/2007 a 24/02/2007
 21/01/2007 a 27/01/2007
 14/01/2007 a 20/01/2007
 31/12/2006 a 06/01/2007
 24/12/2006 a 30/12/2006
 03/12/2006 a 09/12/2006
 26/11/2006 a 02/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 05/11/2006 a 11/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 15/10/2006 a 21/10/2006
 08/10/2006 a 14/10/2006
 01/10/2006 a 07/10/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 13/08/2006 a 19/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 23/07/2006 a 29/07/2006
 02/07/2006 a 08/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 16/04/2006 a 22/04/2006
 09/04/2006 a 15/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 26/03/2006 a 01/04/2006
 19/03/2006 a 25/03/2006
 12/03/2006 a 18/03/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 26/02/2006 a 04/03/2006
 19/02/2006 a 25/02/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 05/02/2006 a 11/02/2006
 29/01/2006 a 04/02/2006
 22/01/2006 a 28/01/2006
 08/01/2006 a 14/01/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Poetrix & Poemínimos (blog antigo)
 Meu site de poesias
 Outro site meu de poesias
 Blog de sonetos


Poetrix - Lilian Maial
 

Hoje é o Dia Internacional da Mulher, comemorado em homenagem a cerca de 130 mulheres que morreram criminosamente queimadas, trancafiadas numa fábrica aonde trabalhavam, durante reunião para reivindicação de redução da jornada de trabalho de 16 para 10 horas por dia, trabalho pelo qual recebiam cerca de 1/3 do salário que os homens, para as mesmas funções. Então, mais do que a gracinha do dia, é importante lembrar que se hoje estamos aqui, ainda com muito chão por percorrer, que nunca esqueçamos daquelas mulheres, assim como das nossas brasileiras tão sacrificadas na roça, na colheita, no interior, aquelas que andam quilômetros a fio, para lecionar no norte/nordeste, com remuneração indigna, mas com o orgulho de repassar conhecimento. Daquelas que são mãe e pai de seus filhos e, mesmo cansada da lida, ainda encontra jeito de os orientar, cuidar, amparar. Daquelas que não podem criar seus filhos, por circunstâncias várias. Daquelas que criam os filhos de outras, com o mesmo amor e dedicação. Daquelas que não puderam gerar, mas que possuem "filhos" espalhados pela vida, por onde passam. Meus parabéns a vcs, e aos homens que as valorizam como iguais. Minha homenagem:

SER MULHER


Nasci mulher, é fato
Gameta indiscutível,
Cometa irremediável,
Soneto jamais escrito.

Cresci menina, concordo,
De pernas cruzadas,
Cabelos alinhados,
Pelos depilados.

Vivi madura, é certo.
Aprendi a traçar os olhos,
A disfarçar as lágrimas,
A não borrar a maquiagem.

Sonhei criança, feliz.
Escrevi meus passos,
Acreditei nos planos,
Colhi meus frutos.

Provoquei emoções, faz parte.
Ensinei meus truques,
Repiquei batuques,
Batalhei com arte.

Briguei na vida, gritei.
Enfoquei os problemas,
Resolvi os teoremas,
Me entreguei a poemas.

Quebrei espelhos, de raiva.
Escondi a dor,
Distribuí amor,
Superei o tempo.

Amei demais, está em mim.
Mulher sem amor não existe.
Atraí desejos, por capricho,
Ou não, por pura paixão.

Caminhei e caí, me ergui.
E não pretendo mudar.
Arregacei as mangas tantas vezes,
Que já nem sei desenrolar.

Mas...quer saber?
É uma delícia ser mulher!
Não troco por nada, por ninguém.
Volto assim mil vezes, se puder.

E quando o véu da noite,
De inveja e despeito me levar,
Que o amor que distribuí,
Os frutos que plantei, venham, enfim, me regar.


Lílian Maial - 08/03/00


 



Escrito por Lílian Maial às 16h36
[] [envie esta mensagem]




[ ver mensagens anteriores ]